Image by Matt Hardy

A importância dos corais

Como os recifes de coral influenciam nosso dia-a-dia e como influenciamos o equilíbrio dos recifes de coral?



Os recifes de coral abrigam 25% de toda a vida marinha, incluindo 65% dos peixes, embora ocupem menos de 1% dos oceanos. Graças à sua biodiversidade, os recifes fornecem a milhões de pessoas alimentos, remédios, proteção contra tempestades e sustentam a indústria da pesca e do turismo, entre outros serviços ecossistêmicos.

Os recifes de corais brasileiros representam os únicos ecossistemas recifais do Oceano Atlântico Sul, com destaque ao complexo recifal de Abrolhos.


Apesar da pequena variedade de espécies de corais, os recifes brasileiros destacam-se em relação aos demais ecossistemas de corais do mundo pela elevada taxa de endemismo. Apresentando espécies de coral que são bem adaptadas a condições altamente hidrodinâmicas e a um maior nível de sedimentação e turbidez da água, quando comparados aos recifes de outras regiões do planeta. O que podem vir a ser características vantajosas frente ao cenário de mudanças climáticas.


Por serem sistemas altamente especializados, os recifes de coral são extremamente sensíveis a distúrbios ambientais.


O efeito dos impactos locais nos recifes do Brasil e do mundo (como poluição e sobrepesca) se agrava ainda mais em combinação com os impactos globais associados às mudanças climáticas. Esses impactos podem levar a uma grave diminuição da cobertura de corais nos recifes, mudando drasticamente o ambiente.


A atual degradação mundial dos recifes de corais constitui um problema internacional que requer atenção imediata.


No Brasil, devido ao uso desordenado ao longo dos anos, diversos recifes  encontram-se em processo de degradação acelerado.



Saiba mais sobre


Escrito por Mariana Thévenin⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

 Siga nossas redes sociais: 

  • Oceano para Leigos
  • Oceano para Leigos
  • Oceano para Leigos
  • Oceano para Leigos
  • Oceano para Leigos

Acompanhe por e-mail!

Oceano para Leigos | 2016-2020.