Image by Matt Hardy

Os serviços ecossistêmicos de um recife de coral

Os recifes de coral são ecossistemas incríveis, ricos em biodiversidade e muito peculiares. A complexidade deles faz com que sejam ótimos fornecedores de serviços ecossistêmicos. Estes serviços são os benefícios que nós, humanos, obtemos de um ambiente natural. Isso quer dizer que um recife de coral não é só bom para o meio ambiente, ele é também ótimo para o bem-estar humano.

Os recifes das ilhas de Tinharé e Boipeba, no litoral baiano, por exemplo são muito importantes para a provisão de alimentos por meio da pesca; oportunidades de lazer e recreação por meio do mergulho; e proteção à linha de costa. Mais da metade da costa dessas ilhas se tornaria mais vulnerável a entrada de tempestades, inundações e erosão costeira caso os recifes não estivessem agindo como quebra-mares naturais.


Infelizmente, justo nos locais onde esses serviços são mais necessários, há um risco maior dos recifes de coral perderem sua capacidade de fornecer serviços ecossistêmicos. Essa coincidência acontece por causa da presença de atividades humanas não-sustentáveis como o turismo desordenado, a falta de saneamento básico e a sobrepesca nas áreas com recifes de coral. O reconhecimento da importância dos serviços ecossistêmicos é essencial para melhorar a gestão das nossas zonas costeiras e garantir ecossistemas saudáveis!


Resumo dos artigos ELLIFF e KIKUCHI, 2017 | Link

e ELLIFF et al., 2019| Link


Escrito por Carla Elliff. Carla é oceanógrafa formada na Unimonte. Ela fez seu mestrado e

doutorado em geologia na UFBA, onde trabalhou com recifes de coral, serviços ecossistêmicos

e mudanças climáticas. Carla também trabalha com gestão costeira, lixo marinho e divulgação

científica, sendo editora dos blogs Bate-papo com Netuno e Nature Words (da rede YESS) e

escritora para o Reefbites (da ICRS).



  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon

Oceano para Leigos | 2016-2020.