top of page

CURSO

Leitura das Previsões de onda

Brisas terrestres e brisas marinhas

Atualizado: 5 de ago. de 2023

O vento tem algumas funções fundamentais na nossa vida. Entre elas, ele atua no equilíbrio térmico do planeta.


Como a gente bem sabe, o Sol esquenta mais a regiões tropicais do que a regiões temperadas ou polares. E o vento ao levar ar quente do equador para os polos e ar frio dos polos pra equador - de uma forma bastante simplificada.


As correntes marinhas também desempenham um papel importante no equilíbrio térmico do planeta.


Existem alguns tipos de vento, nessa artigos vamos ver:


Boa leitura!


O que é o vento e como ele se forma?

Embora a gente não veja, o vento é uma massa de ar em movimento.


Esse movimento do ar é causada devido a variações de pressão atmosférica. Como numa bexiga de aniversário cheia de ar, se você abre a bexiga o ar que está sob pressão dentro da bexiga vai sair, para a região de menor pressão fora da bexiga, gerando um vento.


O legal é que em última instância todo esse movimento é gerado pela energia do Sol. É o Sol que ao aquecer a superfície do planeta de forma desigual gera essas diferenças de pressão na atmosfera, então o ar se desloca da alta pressão para a baixa pressão, formando o vento.


As zonas de alta pressão estão associadas ao bom tempo, céu azul e ventos fracos e ar quente enquanto as zonas de baixa pressão são associadas a formação de tempestades e ar frio. É por isso que normalmente os ventos são frescos.


Quanto maior as diferenças de pressão entre a baixa e a alta mais intensos serão os ventos. Afinal, o vento que sai de uma bexiga de aniversário é bem mais suave do que o escape de uma panela de pressão.

Vento terral nas ondas: O que são as brisas marinhas e terrestres.

O que são e como se formam as brisas?

Você pode estar se perguntado agora qual é a diferença entre vento e brisa. As brisas são um vento suave. Toda brisa é vento, mas nem todo vento é brisa.


No caso das brisas marinhas e terrestres, um vento suave é formado porque a superfície do mar e da terra se aquecem e resfriam em ritmos diferentes.


O calor específico da água (quantidade de calor necessária para aumentar em 1° C uma massa de 1 g da substância) é 3 vezes maior do que o da terra, fazendo com que a água demore mais para esquentar e para esfriar. Essa diferença de temperatura entre a terra e o mar, gera uma diferença de pressão no ar que passa a fluir da alta pressão (frio) para a baixa pressão (quente).


As brisas marinhas e brisas terrestres

Durante o dia, o ar sobre a superfície da terra fica mais quente do que sobre a superfície do mar, portanto a brisa sopra do mar para a terra e é chamada de brisa marítima.


Durante a noite, o mar fica mais quente do que a terra (já percebeu que de noite a água do mar fica quentinha?), o que faz o vento soprar da terra para o mar, gerando a brisa terrestre ou vento terral.


O que é o vento terral?

O vento terral ocorre principalmente de manhã bem cedo, quando o sol ainda não está muito quente e é queridinho dos surfistas porque pega as ondas de frente e segura a formação; e também dos pescadores porque enche as velas para se afastar da praia.


Em quase todo litoral do Brasil, o vento terral vem de oeste, mas a depender do recorte da costa o terral pode estar associado a outras direções. Além disso, no caso de um praia ser voltada para sudoeste, um vento nordeste vai se somar ao terral, podendo soprar o dia inteiro.


Também existem variações sazonais em função de diferenças na incidência solar.

Comments


bottom of page