Por que a amplitude da maré tende a diminuir de norte para sul do brasil?

As marés são ondas geradas pela força de atração gravitacional entre o #Sol, a #Lua e a #Terra – já falamos sobre as marés com mais detalhes anteriormente. Em um #oceano hipotético, sem continentes, a onda de #maré se propagaria ao redor da Terra acompanhando o movimento da Lua. No mundo real, devido à presença dos continentes, a complexidade da linha de #costa, o formato das bacias oceânicas e à rotação da Terra, essas #ondas se propagam em torno de pontos – chamados pontos anfidrômicos ou pontos nodais. Nesses pontos, a variação vertical do nível da água do #mar é nula e vai aumentando com a distância. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Por isso, a amplitude da maré astronômica em um determinado local da costa depende da distância até os respectivos pontos anfidrômicos, além de características da linha de costa, como extensão e profundidade da plataforma continental, e o formato de canais e estuários – que podem amplificar ou atenuar o sinal da maré. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ No #litoral do #Brasil, a amplitude da maré tende a diminuir de norte para sul. A principal razão desse comportamento está associada à localização dos pontos anfidrômicos na bacia do #Atlântico Sul. A presença de um ponto anfidrômico ao largo da costa do Rio Grande do Sul, faz com que a maré astronômica seja bem pequena na região sul do país. Mais ao Norte, a distância ao ponto anfidrômico aumenta e, consequentemente, a amplitude da maré astronômica é maior. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Para conhecer melhor as variações diárias da maré astronômica de um determinado local da costa do Brasil, podemos conferir as Tábuas de Maré que são fornecidas pela Marinha do Brasil. Os ciclos de maré se repetem. Estudando um pouco você consegue saber como está a maré só de olhar a Lua! No entanto, nas regiões sul e sudeste as variações meteorológicas do nível do mar tendem a ser mais importantes do que as variações da amplitude da maré astronômica. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 🧐 Complicou? Pergunta que eu explico!

  • Facebook Oceano para Leigos
  • YouTube Oceano para Leigos
  • Instagram Oceano para Leigos

Oceano para Leigos © 2016-2019.  Criado por Mariana Thévenin.